Sousa vence o Pacajus no Marizão e segue 100% na série D do Brasileirão

Sousa vence o Pacajus no Marizão e segue 100% na série D do Brasileirão

Por Edmilson Pereira - em 10 meses atrás 461

Duas partidas, duas vitórias. O time do Sousa está 100% nesse início de série D 2023. Depois da vitória no domingo (07) pelo placar de 5 x 2, contra o Globo de Ceará-Mirim (RN), o Sousa derrtou a equipe do Pacajus, neste domingo (14), no estádio Marizão, na cidade de Sousa.

O Dinossauro saiu perdendo no primeiro tempo, mais virou na segunda etapa e conquistou sua segunda vitória no torneio.

O técnico sousense, Renatinho Potiguar, não pode contar com o principal jogador do time no ano para a partida. O atacante Luís Henrique, se recuperando de lesão, foi preservado e não ficou nem no banco de reservas. O Dino entrou em campo com Igor Leonardo, Guilherme Lucena, Gabriel Recife, Marcelo, Maceió; Gustavo Henrique, Aruá, Histone, Carlos Vitor; Matheusinho e Lopeu.

Por sua vez, o Cacique foi escalado por Vladimir de Jesus com Jailson, Ray, Ramon, Airton Júnior, Guto; Jó, Viana, Vinícius, Testinha; André Cassaco e Edson Reis.

O placar foi aberto no fim do primeiro tempo em um lance polêmico. Aos 38 minutos, André Cassaco tocou por cima de Igor Leonardo na saída do goleiro e a bola foi devagar em direção ao gol e a defesa afastou. O árbitro Mayron Frederico dos Reis, do Maranhão, não deu o gol inicialmente, mas Flávia Renally correu para o centro do gramado e o gol foi validado.

Com muita reclamação por parte da comissão técnica do Sousa, o policiamento precisou entrar em campo e a partida ficou paralisada por alguns minutos.

Na volta do intervalo o Dinossauro trocou Matheusinho por Arthur, que havia ficado como opção no banco de reservas por escolha do treinador após ter sido titular contra o Globo FC na rodada anterior.

Não demorou muito para o Sousa conseguir empatar a partida. Aos 6 do segundo tempo, Histone, que já havia marcado 2 gols na estreia, invadiu a área e tocou no canto, deixando tudo igual no marcador.

Depois de entrar no jogo no retorno do intervalo, o atacante Arhtur sentiu uma lesão no joelho que foi operado no ano passado, que lhe tirou dos gramados por quase um ano, e foi substituído por Gustavinho logo aos 8 minutos.

Ainda assim, o Dino conseguiu virar o marcador. Aos 17 minutos da segunda etapa, o meia Carlos Vitor chutou, a bola desviou na defesa e morreu no fundo do gol, colocando o time paraibano em vantagem.

Com o placar, o Sousa fica com 6 pontos, na primeira posição. Já o Pacajus, com 1 ponto, é o sexto colocado. Na próxima rodada, no domingo (21), o Dino visita o Nacional, em Patos, enquanto o Cacique, fora de casa, encara o Iguatu.

Escalações

SOUSA

  • 1- Igor Leonardo
  • 2 – Guilherme Lucena
  • 3 – Gabriel Recife
  • 4 – Marcelo Duarte
  • 6 – Herick Maceió
  • 5 – Alexandre Aruá
  • 7 – Histone (16 – Maikon Alexandre)
  • 10 – Carlos Vitor (8 – Daniel Costa)
  • 11 – Matheusinho (19 – Arthur Santos) (15 – Gustavinho)
  • 20 – Gustavo Henrique
  • 9 – Lucas Lopeu
  • Técnico: Renatinho Potiguar

PACAJUS

  • 1 – Jailson
  • 2 – Ray
  • 3 – Ramon
  • 4 – Airton Júnior
  • 6 – Guto
  • 5 – Jô (14 – Bruno Ocara)
  • 7 – Vinícius
  • 8 – Diego Viana (19 – Alan Fabrício)
  • 10 – Testinha (17 – Davi Reis)
  • 9 – Edson Reis (15 – Claudivan)
  • 11 – Cassaco (16 – Andrezinho)
  • Técnico: Vladimir de Jesus

Fonte: Com informação do VozdaTorcida