Serviço ‘Procon-JP no seu bairro’ volta a atender o consumidor no mercado público de Mangabeira nesta terça-feira

Serviço ‘Procon-JP no seu bairro’ volta a atender o consumidor no mercado público de Mangabeira nesta terça-feira

Por Elison Silva - em 1 semana atrás 76

O consumidor de Mangabeira recebe mais uma vez, nesta terça-feira (20), o atendimento itinerante do ‘Procon-JP no seu bairro’. O ônibus do serviço ficará estacionado ao lado do mercado público, na Avenida Josefa Taveira, das 8h às 12h. Na oportunidade, o consumidor pode tirar dúvidas, receber orientações e abrir processos administrativos, caso seja necessário, além de realizar consulta ao Serasa.

Para receber atendimento do serviço móvel, o interessado deve levar os originais e as cópias de documentos como identidade, CPF, comprovante de residência e a nota fiscal ou o contrato referente à reclamação. Já para a consulta gratuita ao Serasa, é necessário apresentar o CPF. Mas se a informação for para terceiros, é preciso levar uma procuração autorizada do nome a ser consultado.

O secretário Rougger Guerra explica que a volta do ônibus ao bairro de Mangabeira toda terça-feira se deve à grande procura que ocorre no local. “Além de ter um comércio bastante forte, os consumidores de outras localidades próximas também procuram o serviço itinerante. Nosso objetivo é descentralizar a assistência e chegar mais perto do consumidor e Mangabeira é um bairro ideal para isso”, afirmou.

Outras localidades – O consumidor de outros bairros da Capital também pode solicitar o atendimento itinerante do Procon-JP. Para isso, basta enviar um ofício para a sede da Secretaria, na Avenida Pedro I, n° 473, Tambiá, ou entregar o pedido pessoalmente. Outra forma é solicitar através do 1doc da Prefeitura de João Pessoa, na aba solicitações gerais do Procon-JP.

“Feito isso, a solicitação será colocada no calendário semanal do serviço, com exceção das sextas-feiras, onde já estamos comprometidos com a Caravana do Cuidar, programa da Prefeitura que engloba várias secretarias”, explicou o secretário.

Fonte: Secom JP