TSE divulga patrimônio de presidenciáveis homologados em convenções: candidato tem R$ 24 milhões em bens

TSE divulga patrimônio de presidenciáveis homologados em convenções: candidato tem R$ 24 milhões em bens

Por Edmilson Pereira - em 2 meses atrás 414

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou o patrimônio declarado por sete candidatos à presidência nas Eleições 2022. A disparidade entre os bens registrados é exorbitante: os valores variam de R$ 197 a mais de R$ 24 milhões.

O candidato mais rico na disputa é Luiz Felipe D’Ávila, do Partido Novo. Ele acumula um patrimônio de R$ 24.619.627,66. Deste total, cerca de R$ 20 milhões são relativos a capital de empresas. Os outros R$ 4 milhões estão empregados em imóveis, aplicações de renda fixa e outros investimentos.

Luiz Felipe D’Ávila é cientista político, filantropo e fundador do Centro de Liderança Pública. No seu viés governamental, defende uma maior cooperação entre sociedade civil e governo.

Outros três candidatos à presidência também apresentaram patrimônio milionário na declaração de bens ao TSE. Pablo Marçal, do Pros, revelou ter propriedades que somam R$ 16.942.541,15, entre ações, investimentos, sociedades, imóveis, consórcios e renda depositada em conta corrente.

Lula (PT) declarou ter R$ 7.423.725,78, entre imóveis, aplicações, saldo em poupança, capital de empresa, veículos e saldo em conta. Simone Tebet, do MDB, declarou ter R$ 2.323.735,38 acumulados em patrimônios. O valor é referente a diferentes imóveis e renda acumulada em conta corrente.

Já o candidato que apresentou menor renda para as Eleições 2022 foi Leonardo Péricles, da Unidade Popular. Ele declarou ter patrimônio de R$ 197,31, valor referente a uma caderneta de poupança.

Confira o ranking de candidatos mais ricos e com maior patrimônio declarado ao TSE

Luiz Felipe D’Ávila (Novo): R$ 24.619.627,66

Pablo Marçal (Pros): R$ 16.942.541,15

Lula (PT): 7.423.725,78

Simone Tebet (MDB): R$ 2.323.735,38

Sofia Manzano (PCB): R$ 498.000,00

Vera Lúcia: (PSTU): R$ 8.805,00

Leonardo Péricles (UP): R$ 197,31

O TSE não divulgou o patrimônio de outros candidatos, como Jair Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT) e Eymael (DC).