Prefeitura de João Pessoa lança campanha de renegociação de dívidas do Programa de Microcrédito Social

Por Elison Silva - em 2 semanas atrás 52

Os empreendedores que estão em dívida com a Prefeitura de João Pessoa, devido a contratos firmados em gestões passadas, no âmbito do Programa de Microcrédito Social, terão uma grande oportunidade para quitar suas pendências. Até 31 de janeiro, o governo municipal da Capital paraibana vai promover uma campanha de renegociação voltada especificamente para quem tem duas ou mais parcelas em atraso. Através dos acordos, será possível garantir até 95% de desconto na multa e nos juros.

A iniciativa é realizada por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho e visa recuperar aos cofres públicos o aporte financeiro repassado a pequenos empreendedores em linhas de crédito de antigos programas municipais, como o Empreender-JP e o Banco Cidadão. Com as devidas correções, os valores ultrapassam R$ 60 milhões.

A secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Vaulene Rodrigues, reforça que esse valor trata-se de um montante muito importante para o município e para a saúde financeira do atual Programa de Microcrédito Social, o Eu Posso. “Porém, muito além de cobrar o pagamento da dívida, estamos dando uma excelente oportunidade para que essas pessoas que contraíram empréstimos recuperem sua cidadania, limpando seus nomes e, inclusive, ficando aptos a adquirir futuros créditos”, explicou.

Vantagens – Para aplicação das renegociações, serão observados prazos, percentuais de entrada e descontos sobre juros e multas. “Quanto maior for o percentual de entrada sobre o saldo devedor, maior será o desconto”, destacou a secretária. Se o pagamento da dívida for feito à vista, o tomador do crédito terá 95% de desconto nos encargos. O abatimento é de 75%, caso o empreendedor dê como entrada 5% do valor contratado e parcele o restante em até 30 meses; e de 50%, para a entrada de 5% e parcelamento acima de 30 meses.

O prazo máximo de prestações é de 60 meses, observando que a nova parcela calculada na negociação não poderá ser inferior a 50% da parcela do contrato original. “Assinando o contrato e paga a parcela de entrada, o tomador já terá seu nome excluído do cadastro de devedores”, complementou Vaulene Rodrigues.

Atendimento – As pessoas interessadas na renegociação deverão agendar o atendimento através da internet, no endereço http://euposso.joaopessoa.pb.gov.br  , onde também é possível ter acesso às regras do processo. Mais informações podem ser obtidas pelo whatsapp (83) 98645-8250 ou pelo e-mail renegociacao.eupossopmjp@joaopessoa.pb.gov.br.

Fonte: Paraíba Notícia e Secom JP