'Não me intimidarão', afirma candidato Ciro Gomes em carta manifesto à nação brasileira divulgada nesta segunda-feira

‘Não me intimidarão’, afirma candidato Ciro Gomes em carta manifesto à nação brasileira divulgada nesta segunda-feira

Por Edmilson Pereira - em 2 meses atrás 156

O candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, declarou que “nada deterá minha disposição a seguir em frente com o projeto nacional de desenvolvimento” em carta destinada à nação brasileira lida na manhã desta segunda-feira (26) no comitê da campanha na zona oeste de São Paulo. “Não me intimidarão”, disse.

A carta foi uma reação ao que chamou de “campanha de intimidação, mentiras e destruição de imagens” deflagrada pela campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). “Sou vítima de virulenta campanha nacional e internacional”, disse Ciro.

Estavam presentes o candidato do PDT ao governo de São Paulo, Elvis Cezar, a mulher de Ciro, Gisele Bezerra, além de integrantes do partido.

O candidato do PDT tem sofrido pressão para desistir de sua candidatura por apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da SIlva (PT) sob o argumento de que suas críticas ao petista ajudam a fortalecer o presidente Bolsonaro.

Ciro tem sido alvo de memes nas redes sociais que o retratam como aliado de Bolsonaro por meio de apelidos como “Cironaro” e “Bolsociro”.

As manifestações ganharam força desde o mais recente debate entre candidatos à presidência. Nos estúdios do SBT, durante o intervalo, Ciro e Bolsonaro foram flagrados conversando ao pé do ouvido.

Ciro nega a possibilidade de apoiar Bolsonaro e repete que está entre os políticos que pediram o impeachment do presidente.

Foto: Getty

Fonte: Folha de São Paulo