Morre de complicações da Covid-19 o general Colin Powell

Por Edmilson Pereira - em 2 meses atrás 95

O general Colin Powell, primeiro secretário de Estado afro-americano dos Estados Unidos (EUA), morreu nesta segunda-feira (18), aos 84 anos, vítima de complicações da Covid-19, informou a família em sua página no Facebook.

“Ele estava totalmente vacinado. Queremos agradecer à equipe médica do Walter Reed National Medical Center pelo tratamento cuidadoso. Perdemos um notável e amoroso marido, pai, avô e um grande americano”, disse a família de Powell no comunicado.

Como general quatro estrelas do Exército, ele foi chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas no governo do presidente George H.W. Bush durante a Guerra do Golfo de 1991, quando as forças lideradas pelos EUA expulsaram as tropas iraquianas do vizinho Kuwait.

Powell, que era um republicano moderado e pragmático, atuou mais tarde como secretário de Estado do presidente George W. Bush.

Determinado

Em 1987, Powell tornou-se conselheiro de segurança nacional. Foi a época do envolvimento dos Estados Unidos nas chamadas “guerras sujas” na América do Sul, incluindo o apoio aos contras, os paramilitares de direita na Nicarágua.

Quando George HW Bush assumiu o cargo, em 1989, Powell foi nomeado presidente da Junta de Chefes de Estado-Maior, a mais alta posição militar no Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

Aos 52 anos, se tornou o oficial mais jovem a ocupar o cargo e o primeiro de origem afro-americana.

Já nos primeiros meses no cargo, ele enfrentou uma crise quando os Estados Unidos invadiram o Panamá, em dezembro de 1989, derrubando o ditador, general Noriega, um movimento fortemente condenado pelas Nações Unidas.

A Guerra do Golfo de 1990 viu a implementação de uma estratégia que foi apelidada de A Doutrina Powell. Essencialmente, Powell acreditava que os EUA não deveriam recorrer à força militar até que todos os meios diplomáticos, políticos ou econômicos fossem esgotados.

No entanto, caso houvesse uma decisão pela ação militar, a força máxima necessária deveria ser empregada para subjugar o inimigo rapidamente, minimizando as baixas dos EUA. Seria também necessário um apoio público considerável.