Abradep anuncia parceria com o TSE para divulgação do “Memória do Direito Eleitoral Brasileiro: história audiovisual

Abradep anuncia parceria com o TSE para divulgação do “Memória do Direito Eleitoral Brasileiro: história audiovisual

Por Edmilson Pereira - em 2 semanas atrás 80

A Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (Abradep) e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE)  firmou parceria, nesta terça-feira (02),  para divulgação nos canais oficiais da corte do projeto “Memória do Direito Eleitoral Brasileiro: história audiovisual”. A assinatura aconteceu na sede do TSE, em Brasília, em uma reunião com a participação do coordenador-geral da Academia, Luiz Fernando Casagrande Pereira, o presidente do TSE, ministro Edson Fachin, e outros 16 membros da Abradep.

Organizado pela Academia, o projeto Memória do Direito Eleitoral Brasileiro busca resgatar e preservar a história da Justiça Eleitoral a partir de depoimentos de personagens que marcaram a criação e a consolidação deste ramo do Judiciário no país. Com a parceria, o projeto passará a fazer parte das comemorações oficiais dos 90 anos da Justiça Eleitoral, organizadas pelo TSE, e que passarão a contar com o conteúdo produzido pela Abradep, além da parceria para desenvolver outras ações para marcar os 90 anos da Justiça Eleitoral, celebrados neste ano de 2022.

A primeira fase do projeto Memória do Direito Eleitoral Brasileiro será lançada amanhã, na Cinemateca Brasileira, em São Paulo. Na ocasião, serão exibidas três entrevistas feitas com personagens emblemáticos da história da Justiça Eleitoral no país: os advogados Antonio Tito Costa, Arnaldo Malheiros (que atuou para restituir os direitos políticos de Fernando Henrique Cardoso ao final da ditadura) e a primeira mulher a presidir o TRE-RS, Elaine Harzheim Macedo.

Os três também estarão presentes no evento para conversar com os convidados. “A ideia da Abradep é homenagear a história e a construção da democracia mostrando o caminho que percorremos até aqui – que não foi fácil, e reforçar como é importante preservar essas conquistas”, afirma Francisco Octavio de Almeida Prado Filho, um dos coordenadores da iniciativa.

Pela parceria, a Abradep seguirá responsável pela produção dos vídeos e os próximos nomes a serem entrevistados serão definidos em conjunto pelo TSE e a Academia.

Fonte: Paraíba Notícia e GBR Comunicação/Abradep