Abertura ao turismo: EUA elimina entrevista para visto americano; veja quem está liberado

Abertura ao turismo: EUA elimina entrevista para visto americano; veja quem está liberado

Por Edmilson Pereira - em 1 ano atrás 638

O governo dos EUA que seus consulados e embaixadas no Brasil dispensem a realização da entrevista presencial para a emissão de alguns tipos de vistos para viajar para aquele país. As regras, que impactam vistos de estudante, turismo, intercâmbio e trabalho, já haviam sido introduzidas em 2022, mas foram estendidas agora até o final de 2023.

O objetivo da permissão é reduzir o tempo de espera na concessão dos documentos exigidos pela lei de imigração americana. A medida beneficia, a princípio, os casos de primeiro pedido ou renovação do visto H-2, que é concedido aos estrangeiros que vão trabalhar – de forma temporária ou sazonal – nos EUA. Nesses casos, os oficiais consulares poderão dispensar a entrevista.

Quem ficará isento da entrevista para obter visto para os EUA?

Além do H-2, outros vistos ligados ao trabalho também poderão ser dispensados da entrevista, como: H-1 ou O (especialistas), H-3 (estagiário), H-4 (familiares de titular de visto H), L (executivos e gestores), P (atletas/artistas) e Q (programas internacionais). A condição é que já tenham recebido um visto americano e nunca tenham um pedido de entrada nos EUA negado.

A boa notícia é que as novas regras abrangem também o visto de turismo, que representa a maioria dos pedidos brasileiros. De acordo com as isenções, qualquer renovação de visto, inclusive para viagens de negócio e turismo (B1/B2), poderá ser dispensada, se o visto anterior tiver menos de 48 meses.

O anúncio do governo americano prevê que, mesmo para os casos elegíveis de isenção, os funcionários consulares poderão exigir a entrevista especial, de acordo com as condições locais de cada posto diplomático.