Vasco empata com o Ceará no Castelão e garante vaga na Série A

Por - em 1 semana atrás 228

O empate sem gols com o Ceará na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), garantiu a permanência do Vasco na elite do futebol nacional para o próximo ano. Porém, na visão dos jogadores, não há motivo de comemoração. Eles entendem que o clube precisa aprender com as lições desse ano para não voltar a sofrer na próxima temporada.

“O grupo todo está tirando um peso das costas, pois trabalhamos muito e perdemos alguns jogos no detalhe, mesmo sendo melhores em campo. Hoje mesmo perdemos gols cara a cara e poderíamos ter vencido. O Vasco não precisava ter passado por isso e agora é pensar em um 2019 diferente para nós”, disse o volante Andrey.

O goleiro Fernando Miguel foi mais duro nas críticas.

“Brigar contra rebaixamento é muito mais complicado que brigar pelo título, pois você tem uma carga emocional e uma pressão muito grande. O menos pior aconteceu com o Vasco e logicamente que isso não é motivo de comemoração. Mas que isso sirva de lição, pois se não servir o ano que vem vai passar por isso novamente. Tivemos muitas trocas de comando e precisamos repensar algumas coisas. O Vasco não merece viver esse tipo de campeonato”, disse o goleiro.

Para seguir a orientação dos atletas, o técnico Alberto Valentim já projeta a sequência do trabalho.

“Não temos que comemorar muito. Temos que fazer muito mais. Amanhã mesmo já vamos conversar com a diretoria. Os jogadores estão de férias, mas nós não. Já vamos começar o planejamento”, disse Valentim.

O elenco do Vasco retorna nesta segunda-feira (03) do Nordeste e em seguida os jogadores serão liberados para as férias. A reapresentação do elenco deverá acontecer em 2 de janeiro, mas ainda depende da confirmação da diretoria.