STJD nomeia ex-presidente do Goiás como interventor da Federação Paraibana de Futebol

Por Elison Silva - em 4 meses atrás 115

O Presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol, Paulo César Salomão Filho, concedeu liminar impetrada pelo Treze na última sexta (03), solicitando intervenção do STJD para conduzir os trabalhos da Federação Paraibana de Futebol durante a suspensão do presidente em exercício Nosman Barreiro, bem como na final da Série D e decorrer da Série C do Campeonato Brasileiro.

Ele nomeou o auditor João Bosco Luz, integrante do Pleno do STJD, para o cargo. Ele também é ex-presidente do Goiás Esporte Clube.

O Presidente do Treze, Paulo César Salomão Filho,  falou da situação e destacou que o caso necessita de medidas excepcionais para dar continuidade as competições nacionais.

Paulo César analisou ainda os Estatutos da Federação Paraibana de Futebol e alertou que não consta quem deverá assumir a instituição até que sejam realizadas novas eleições.

Salomão lamentou ainda ser evidente que a Federação não pode seguir sem qualquer comando no momento em que dois clubes atuam em competições importantes. O interventor irá exercer os poderes conferidos estatutariamente à figura do Presidente, convocando, tão logo seja possível e regular, o pleito para Eleição dos novos Presidente e Vice-presidente da Instituição, na forma do artigo 37 de seu Estatuto.