MEIO AMBIENTE: Projeto de Tanilson Soares prevê “telhado verde” em construções de João Pessoa

Por Edmilson Pereira - em 5 meses atrás 402

O vereador Tanilson Soares (PSB) apresentou um Projeto de Lei de Indicação que prevê a instalação de “telhado verde” em novas construções residenciais, comerciais, industriais e públicas de João Pessoa. A proposta também prevê a construção de reservatórios de acúmulo ou de retardo do escoamento das águas pluviais para a rede de drenagem.

Para Tanilson, a instalação do “TELHADO VERDE”, constituindo-se em cobertura vegetal das edificações, tem como objetivo minimizar os efeitos decorrentes do aumento das temperaturas de superfície e consequente formação de ilhas de calor, provocadas pela crescente redução das áreas verdes e excesso de áreas com solo impermeabilizado.

“A cobertura vegetal gera também conforto térmico e acústico, diminuindo a reverberação ao absorver e isolar ruídos, reduzindo também significativamente a necessidade de energia para climatização de ambientes. Já a instalação dos Reservatórios de Acúmulo ou Retardo de Águas Pluviais responde a uma necessidade de incrementar a capacidade da rede de drenagem urbana de João Pessoa, por meio da captura de águas de superfície. A acumulação da água de chuva aumentará a capacidade de retenção das águas pluviais no momento de pico de grande precipitação pluviométrica, minimizando pontos de alagamentos na cidade e potencializando a economia do consumo de água potável”, explicou o vereador.

Tanilson Soares lembrou que o “telhado verde” é uma alternativa natural e de preço próximo ao das coberturas convencionais, bastante utilizado em cidades americanas, europeias e que começa a ser usado também no Brasil. O parlamentar comentou que para implantar o telhado é necessária uma preparação adequada da superfície com impermeabilização, sistema de drenagem, pedras, areia, terra e vegetação próprias. “Isso requer uma estrutura edificada capaz de suportar pesos superiores aos verificados em outras situações”, esclarece.