Jogador do Botafogo é acusado de chegar embriagado à concentração e de estupro contra servidora de 70 anos

Por - em 3 semanas atrás 590

O jogador Evandro Reis de Araújo, conhecido como Netinho, adquirido junto ao Nacional de Patos, e  que atua como meia ofensivo no Botafogo-PB vem sendo apontado como suspeito de um suposto estupro que teria sido cometido contra uma funcionária do clube.

O caso vai ser investigado pela diretoria em uma reunião marcada para esta segunda-feira (4).

O vice-presidente de futebol do Botafogo-PB, Adir Leme, confirmou que Netinho chegou bêbado,  na concentração do clube, na madrugada do sábado, onde reside, com sintomas de embriaguez.  Em seguida, conforme informação passada a diretoria, ele teria tentado abusar de uma funcionária, que tem 70 anos.

O presidente do Botafogo, Sérgio Meira, informou, pelo Whatsapp, na manhã deste domingo (03),  que diretoria do Belo já está tomando as providências necessárias para o esclarecer os fatos, que passa por ouvir o jogador e a senhora de 70, funcionária do Botafogo.

Sérgio Meia antecipa, que e independente disso,  já está providenciando o desligamento do jogador, pelo fato de ser reincidência.