Audiência de conciliação reúne quase 300 trabalhadores em ação contra empresa de vigilância

Por Elison Silva - em 2 semanas atrás 12

Uma audiência coletiva de conciliação, realizada em João Pessoa, no auditório da Escola Judicial, foi o destaque do último dia da Semana Nacional de Conciliação e reuniu trabalhadores e representantes da empresa de vigilância Força Alerta, que prestava serviços para a Universidade Federal da Paraíba (UFPB). A audiência foi presidida pela juíza Ana Paula Cabral Campos, coordenadora do Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas.

O processo envolve 301 trabalhadores e quase todos compareceram a audiência. Representantes da empresa e do sindicato dos vigilantes estiveram presentes e demonstraram interesse em buscar uma conciliação. No dia 10 de novembro passado, a UFPB decidiu não renovar o contrato com a empresa de vigilância e o sindicato entrou com um processo na Justiça do Trabalho pedindo o bloqueio dos valores devidos à empresa para o pagamento das verbas rescisórias e da multa do FGTS.

Segundo estimativa do sindicato dos trabalhadores, a dívida está estimada em cerca de 1,5 milhões, sendo que 1,2 milhões são destinados exclusivamente aos trabalhadores. A empresa concorda com a negociação e na audiência com os trabalhadores, a juíza Ana Paula Campos disse que espera concluir os pagamentos até o próximo dia 20.

A Força Alerta prestava serviços para a UFPB nos Campi de João Pessoa, Santa Rita, Mamanguape, Rio Tinto, Areia e Bananeiras.

Fonte: Assessoria